Interpol fará procura Sergipana que fez vídeos incitando morte de Jair Bolsonaro

0
192

De acordo com as informações, a mulher reside fora do País. Em Aracaju ela também mantém residência. A Polícia Federal esteve no local e não a encontrou. A informação é de que ela já estaria fora do Brasil. Toda investigação será de incumbência da Organização Internacional de Polícia Criminal (Interpol).

Ela é acusada de incitar o assassinato do presidenciável Jair Bolsonaro (PSL), por meio das redes sociais. Quando localizada, ela responderá pela ação. Situações identificadas dessa natureza são tratadas como de segurança nacional.

São situações como essas que colocam o Estado de Sergipe como sendo um dos mais violentos do Estado de Sergipe, quando na verdade o povo é de índole ordeira e pacífica.

Por Adeval Marques

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA